Buscar
  • danieldesousafilho

Síndrome de Burnout

Atualizado: 10 de Mai de 2019

Frequentemente nos sentimos muito mal no trabalho. Ao sairmos, é como se o peso dele fosse para casa conosco.


É comum sentir-se sobrecarregado em relação às questões do trabalho.


Por conta disso, eventualmente, apresentamos cansaço excessivo, dores musculares, dores de cabeça, sensação de “peso no corpo” ou falta de energia e muitos desses sintomas estão relacionados ao trabalho.


Seriam esses sintomas relacionados à Síndrome de Burnout? Ou seria depressão, ansiedade?


Esse tema é alvo de muita controvérsia.


A Síndrome de Burnout é descrita por muitos estudiosos desde a década de 1970. Entretanto, ainda não é uma síndrome descrita na Classificação Internacional das Doenças (CID). Ou seja, ainda reconhecida como uma síndrome médica.


Portanto, o esgotamento físico e mental relacionado ao estresse e às pressões do trabalho, assim como, os sintomas de ansiedade e depressão relacionados a Síndrome de Burnout podem ser considerados pelo seu médico outra condição. Como Transtorno Depressivo, Ansioso, entre outros.


Quais são os sintomas da Síndrome de Burnout?


É caracterizada pelos seguintes sintomas:


  • Cansaço excessivo, físico e mental

  • Dor de cabeça frequente

  • Alterações no apetite

  • Insônia

  • Dificuldades de concentração

  • Sentimentos de fracasso e insegurança

  • Negatividade constante

  • Sentimentos de derrota e desesperança

  • Sentimentos de incompetência

  • Alterações repentinas de humor

  • Isolamento

  • Fadiga

  • Pressão alta

  • Dores musculares

  • Problemas gastrointestinais

  • Alteração nos batimentos cardíacos


Como é feito o tratamento da Síndrome de Burnout?


O tratamento pode ser feito apenas com a psicoterapia, mas, o paciente também pode recorrer ao uso de remédios prescritos por um médico especialista para auxílio. Normalmente, o tratamento tem uma duração de um a três meses, podendo demorar mais dependendo do caso.


Como prevenir a Síndrome de Burnout?


A prevenção da Síndrome de Burnout pode estar no desenvolvimento de uma estratégia para redução da pressão e estresse no ambiente de trabalho. Aliada à definição dos objetivos a serem alcançados. Como:


  • Definir os objetivos desejados para vida pessoal e profissional

  • Atividades de lazer com os amigos e familiares

  • Atividades físicas, principalmente, ao ar livre

  • Sair da rotina

  • Conversar com um amigo ou profissional assim que começar a se sentir para baixo

Caso você sinta que está com algum dos sintomas acima descritos e está tendo prejuízo emocional, procure a ajuda de um especialista! A Síndrome de Burnout tem tratamento e você não precisa passar por isso sozinho!


2,566 visualizações

TODOS  OS DIREITOS RESERVADOS A DR. DANIEL FILHO.